Seledônio Pinheiro assassinado dentro do escritório do Posto Avenida

Seledônio Pinheiro assassinado dentro do escritório do Posto Avenida

O comerciante do ramo de revenda de combustíveis, Seledônio Pinheiro, 65 anos, foi assassinado por volta do meio dia deste sábado (28/3), dentro do escritório do Posto Avenida, de sua propriedade, localizado entre as avenidas Rio Branco e Governador Lomanto Júnior, bairro do Joaquim Romão, a cerca de 20 metros do Colégio da Polícia Militar. De acordo com as informações, dois indivíduos chegaram no pátio de abastecimento do posto, a bordo de uma moto Honda/Titan, prata cinza, de placa PP-6813, sendo que um deles rendeu um frentista enquanto o parceiro se dirigiu ao escritório da empresa onde deflagrou os tiros no comerciante, que morreu no local. Os elementos fugiram, um deles a pé. Populares informaram que eles seguiram no sentido ao campo de futebol Anibal Pires (Cururu).

 

Com muitos anos de atividades no setor de revenda de combustíveis, inclusive exercendo o cargo de delegado regional do Sindicombustíveis, Seledônio Pinheiro, era pessoa bastante conceituada em Jequié, tendo participação no campo político-eleitoral do município,  candidatando-se  a prefeito em 2008 e nas eleições de 2012, representando o PSOL, na condição de candidato a vice-prefeito, compôs a  chapa majoritária da coligação encabeçada pelo PV, que teve como candidato a prefeito o médico Fernando Costa Vieira.

 

O crime chocou a população local e as pessoas exigem uma resposta imediata das autoridades policiais.Não existe confirmação de que Seledônio Pinheiro tenha reagido ao assalto.

 

 

Fonte: Wilson Novaes 

Contador de Cliques

Compartilhe!