Sem romarias e procissões, Círio de Nazaré terá celebrações restritas

Sem romarias e procissões, Círio de Nazaré terá celebrações restritas

Festividades começaram na última sexta (9) e vão até dia 26

Por Gésio Passos - Brasília

O Círio de Nazaré, em Belém, será diferente neste ano, por causa das medidas de enfrentamento ao coronavírus. As procissões e as romarias que superlotam as ruas da capital do Pará não irão ocorrer.

Mas a organização da festa, que está na edição número 228, afirma que vai manter ao máximo os eventos tradicionais, que serão transmitidos pelos meios de comunicação da Arquidiocese e pelas redes sociais para que os fiéis possam acompanhar as celebrações sem sair de casa.

Dom Alberto Taveira Corrêa, arcebispo metropolitano de Belém e presidente da Festa do Círio de Nazaré, explica as mudanças neste ano.

Segundo a Igreja Católica, o Círio é uma das maiores festas religiosas do mundo e hoje é reconhecida com Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco. O primeiro Círio foi realizado em 1793.

Para a jornalista Trisha Guimarães, a festa movimenta a cidade todos os anos, como se fosse um segundo Natal dos paraenses. Ela afirma que, devido a pandemia, as famílias estão se organizando para as celebrações ocorrerem em casa.

A festa começou nesta sexta-feira, dia 9, com abertura oficial do Círio de Nazaré, com apresentação do Manto Oficial e a benção da Corda. Para aproximar os fiéis, a corda será dividida em partes e enviadas para as 95 paróquias da arquidiocese.

Neste sábado, dia 10, ocorreu a descida da imagem original da Nossa Senhora de Nazaré. A tradicional procissão de trasladação não ocorrerá este ano, sendo realizada uma missa e exibido documentários e vídeos de anos anteriores.

Já no dia 11 de outubro, domingo, as comemorações começaram às 7 da manhã, com missa de celebração de abertura do Círio, seguida de programação transmitida ao vivo. Durante o dia, todas as paróquias terão missas com entrada solene da imagem de Nossa Senhora, envolta com corda do Círio. O encerramento da festa ocorre no dia 26 de outubro. 

Para que os fiéis possam acompanhar a festa do Círio com segurança, a programação será transmitida pelos meios de comunicação da Arquidiocese de Belém: TV e Rádio Nazaré e redes sociais. Acompanhe no site fundacaonazar.com.br.

 

Contador de Cliques

Compartilhe!